A+ A-

Nota de apoio à profa. Dra. Erlênia Sobral (Uece)

Image

A gestão “Nossa voz na rua vem para lutar” do Conselho Regional de Serviço Social 3ª Região/CE vem a público manifestar solidariedade e apoio à profa. Dra. Erlênia Sobral, assistente social e professora do Curso de Serviço Social da Universidade Estadual do Ceará (UECE), que foi vítima de ataques de ódio e autoritarismo típico do pensamento protofascista que hoje permeia o senso comum.

A universidade pública teve um papel crucial na crítica à ditadura militar e para o reestabelecimento da democracia no país, já que além de um espaço para a formação profissional, historicamente, é o espaço da produção do pensamento crítico, de reflexão sobre as grandes questões da sociedade.

Nesse sentido, tem a função social de problematizar, discutir e debater sobre a conjuntura nacional e os inúmeros ataques produzidos pelo golpe em curso e contínuo à classe trabalhadora, como no caso da contrarreforma da previdência social, inclusive, porque toda a comunidade acadêmica – estudantes, professores e servidores – serão diretamente atingidos.

Nós do Serviço Social temos um projeto ético-político profissional sintonizado com as demandas e lutas da classe trabalhadora, assim, temos compromisso com a defesa permanente da democracia e dos direitos individuais e sociais duramente conquistados.

O nosso projeto de formação profissional está para além da sala de aula, pois compreendemos que o conhecimento crítico sobre a realidade se faz em vários outros espaços como em seminários, nas ruas e nas lutas. Foi assim que produzimos coletivamente nosso patrimônio intelectual construído por muitas mãos, corações e mentes de muitas gerações.

O discurso que leva ao fascismo precisa ser interrompido, essa tem sido a principal arma utilizada para destruição da nossa democracia.

Por esse motivo convocamos todos os/as assistentes sociais, estudantes, professores/as e trabalhadores/as a estarmos com VOZ ativa na RUA em LUTA, nesta segunda-feira, dia 19/02, a partir das 8h, na Praça da Bandeira, em Fortaleza (CE), contra essa reforma criminosa que golpeia a previdência social e pune a classe trabalhadora em favor dos poderosos.

Continue acompanhando as agendas de luta no seu município.
Não nos calarão! Nenhum direito a menos! Nossa Voz na Rua Vem para Lutar!

Compartilhe