A+ A-

Cress Ceará emite nota de repúdio ao ato de truculência contra a assistente social Carmelita Colares

Image

O Conselho Regional de Serviço Social 3ª Região/CE vem a público repudiar veementemente o ato truculento de violência pelo qual foi vítima a assistente social Maria Carmelita Sampaio Colares, presidenta da Associação dos Servidores da Secretaria do Planejamento e Gestão (ASSEPLAG), no dia 25 de setembro de 2018.

De acordo com a servidora estadual Carmelita Colares, ela foi agredida fisicamente – tendo o braço puxado, o que ocasionou inchaço do tendão – e moralmente pelo secretário Maia Júnior, titular da Secretaria do Planejamento e Gestão do Ceará (SEPLAG), no final da tarde, na saída do expediente, no hall de entrada do prédio da SEPLAG, no Cambeba.

Causa-nos indignação que tal ato tenha ocorrido contra a servidora, uma demonstração clara de despreparo, brutalidade e desrespeito do titular da SEPLAG, Maia Júnior, com os/as trabalhadores/as da pasta, ao violentar e intimidar uma servidora que constantemente luta pela melhoria das condições de trabalho dos/as que constituem a Secretaria.

A sociedade exige que o Governo do Estado do Ceará atue de forma a apurar esta situação e tomar as medidas cabíveis com relação ao acontecido. Não se pode aceitar que este agressor seja tolerado e mantido entre os/as titulares das pastas pelo Governo do Estado do Ceará.

Conselho Regional de Serviço Social 3ª Região/CE
Gestão “Nossa voz na rua vem para lutar”
Triênio 2017-2020

Compartilhe